Blog ofFernanda Trigueiro de A. Araujo

Dietitian (Nutricionista) · 31292

Nutricionista Clínica e Funcional

BETACAROTENO E LICOPENO PARA UMA PELE BRONZEADA E PROTEGIDA

Friday, January 21, 2022

O que é betacaroteno?

É um pigmento natural encontrado em alguns alimentos, como cenoura, mamão, couve e abóbora. Esse nutriente faz parte da família dos carotenoides e atua como um poderoso antioxidante, com benefícios que envolvem desde o fortalecimento do sistema imunológico, até a proteção e o estímulo para um bronzeado mais natural e duradouro.

Alimentos ricos em betacaroteno

Entre os alimentos com maior concentração de betacaroteno estão:

couve-manteiga: 3800 mcg

cenoura: 2900 mcg

acerola: 2600 mcg

espinafre: 2400 mcg

abóbora: 2200 mcg

melão: 2200 mcg

brócolis: 1600 mcg

manga tommy: 1400 mcg

mamão formosa: 610 mcg

maracujá: 610 mcg

melancia: 470 mcg

A quantidade de betacaroteno foi considerada com base em 100g de cada alimento.

Qual a função do betacaroteno?

Devido ao seu poder antioxidante e por atuar como um precursor da vitamina A, as funções do betacaroteno no organismo envolvem:

combate aos radicais livres, relacionados ao envelhecimento da pele;

estímulo e manutenção do bronzeado natural e proteção contra os danos causados pela exposição solar (efeito fotoprotetor);

fortalecimento do sistema imune e redução do risco de doenças degenerativas;

benefícios à visão;

prevenção de doenças cardíacas;

manutenção da pele e das mucosas.

Qual a diferença entre betacaroteno e vitamina A?

A vitamina A na forma de retinol é encontrada somente em alimentos de origem animal. No entanto, alguns vegetais são fontes de carotenoides que atuam como precursores da vitamina A no organismo.

Assim, ao ingerir um alimento rico em betacaroteno, por exemplo, esse carotenoide tem a capacidade de ser transformado em vitamina A na mucosa intestinal, para depois desempenhar suas funções no organismo.

O que é licopeno?

O licopeno também é um carotenoide antioxidante e possui função semelhante ao betacaroteno na proteção das células, contra os efeitos nocivos causados pelos radicais livres e pela exposição ao sol. É ele que dá a cor vermelha a alguns alimentos, como o tomate, a melancia e a goiaba.

Também é conhecido por prevenir alguns tipos de câncer e reduzir o risco de doenças cardíacas.

Alimentos ricos em licopeno

Goiaba vermelha: 5,2mg

Melancia: 4,5mg

Tomate: 4mg

Pitanga: 3,8mg

Mamão: 1,8mg

Pimentão vermelho: 0,4mg

Caqui: 0,15mg

A quantidade de licopeno foi considerada com base em 100g de cada alimento.

Para que serve licopeno?

O licopeno reduz os danos oxidativos nas células, atuando na prevenção do envelhecimento cutâneo e de doenças crônicas.

Um estudo realizado na Universidade de Manchester analisou os efeitos do licopeno na pele de 20 mulheres saudáveis, com idade média de 33 anos. Elas realizaram a ingestão diária de 55g de pasta de tomate (cerca de 16mg de licopeno) durante um período de 12 semanas.

A pesquisa concluiu que o alimento rico em licopeno possui propriedades protetoras significativas contra os danos causados pelos raios UV, em especial as queimaduras solares e o estresse oxidativo.

Como tomar licopeno e betacaroteno?

A ingestão de licopeno e betacaroteno pode ser feita por meio da alimentação ou suplementação. Os alimentos ricos nesses carotenoides podem ser consumidos crus, cozidos, assados, em forma de sucos, vitaminas ou saladas. No entanto, a absorção dessas substâncias é otimizada quando o alimento está cozido ou assado e é consumido com alguma fonte de gordura.

No caso de suplementação, é importante conversar com seu médico ou nutricionista para alinhar a dose recomendada e o tempo de duração do tratamento.

Efeitos colaterais do consumo em excesso

De maneira geral, o excesso no consumo desses carotenoides não é prejudicial à saúde. Porém, a ingestão exagerada de alimentos ou suplementos com betacaroteno pode deixar a pele alaranjada ou amarelada (carotenemia). Essa condição é inofensiva e a pele volta ao seu aspecto normal com a redução no consumo.

Outros nutrientes importantes para a pele

O bronzeado natural ganha ainda mais destaque em uma pele saudável. Por isso, alguns nutrientes são indispensáveis para proteger as camadas da pele e manter sua hidratação e elasticidade, prevenindo o envelhecimento precoce. Confira abaixo quais são eles, como atuam e como podem ser repostos no organismo.

Aminoácidos

Alguns aminoácidos são essenciais para que o corpo possa sintetizar naturalmente o colágeno. Glicina, prolina e lisina, por exemplo, são os principais aminoácidos que compõem o colágeno tipo I, proteína que corresponde a 80% da pele e responde pela estruturação do tecido, conferindo resistência e flexibilidade.

Além desses, outros dois aminoácidos importantes são a treonina (precursor da glicina) e a arginina (precursor da prolina), que também atuam na estabilização das moléculas de colágeno.

Astaxantina

Encontrada em organismos marinhos, como os crustáceos, a astaxantina também é um carotenoide, assim como o betacaroteno e o licopeno. Com elevado potencial antioxidante, atua na proteção da pele, neutralizando a ação dos radicais livres sobre o colágeno.

Ainda, apresenta um importante papel protetor em condições que favorecem o estresse oxidativo, como exposição excessiva aos raios solares, consumo de álcool e cigarro, estresse e poluição.

Biotina

Também conhecida como vitamina B7 ou “vitamina da beleza”, a biotina atua principalmente na produção de queratina e colágeno. Por isso, seus benefícios estão associados tanto ao crescimento de cabelos e unhas, como a uma pele mais saudável.

A biotina também atua na homeostase do zinco, um potente antioxidante no combate aos radicais livres. As principais fontes de biotina são de origem animal, como fígado, peixes, ovos e laticínios, o que pode tornar necessária a suplementação por veganos e vegetarianos.

Vitaminas A, C e E

O mix que envolve as vitaminas A, C e E contribui para a formação de colágeno, manutenção da pele e proteção dos danos causados pelos radicais livres. Esses nutrientes podem ser encontrados em alimentos como laranja e acerola (vitamina C), fígado, produtos lácteos, cenoura e manga (vitamina A), e abacate (vitamina E).

Zinco e Cobre

Ambos são antioxidantes que auxiliam na proteção dos danos causados pelos radicais livres. O zinco também contribui para a manutenção do cabelo, da pele e das unhas, e o cobre para a pigmentação do cabelo e da pele. Boas fontes desses minerais são a castanha-de-caju (zinco) e o espinafre (cobre).

Ácido hialurônico

A pele é o órgão com maior concentração de ácido hialurônico no corpo. Ele é responsável por preencher os espaços não ocupados por células, o que confere resistência aos tecidos cutâneos, aumento da elasticidade e suavização de rugas e linhas de expressão.

Devido a sua capacidade de reter água, esse ingrediente também é responsável pela boa hidratação da pele.

Ainda não há um consenso sobre como estimular a produção de ácido hialurônico via alimentação. Por isso, suplementar a substância pronta, seja a partir de fontes veganas ou não, pode ser uma boa alternativa.

Ácido ortosilícico

O silício atua na síntese e compactação da queratina nos cabelos e unhas, além de participar da formação de hidroxiprolina e hidroxilisina, necessárias para a síntese de colágeno. Logo, a falta desse mineral pode deixar cabelos e unhas quebradiços, bem como pele e articulações mais frágeis.

O mineral é encontrado em alimentos diversos, como maçã, laranja e pepino.

Dicas para manter uma pele bronzeada e protegida

É possível manter uma pele bronzeada de forma natural, sem agredir ou danificar a pele. Confira as dicas que separamos para você:

evite a exposição solar entre as 10h e 16h;

use protetor solar com fator de proteção FPS 30 ou superior;

evite banhos quentes e demorados que possam agredir a pele;

utilize um bom hidratante corporal;

aumente a hidratação por meio do consumo de água e sucos de frutas naturais;

opte por uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes, como carotenoides (betacaroteno, licopeno e astaxantina), vitaminas e minerais.

Nem sempre é possível obter todos os nutrientes necessários para uma pele bronzeada e protegida por meio da alimentação. Nesse sentido, os suplementos podem ser grandes aliados, especialmente quando formulados com ingredientes que atuam diretamente na construção do colágeno e na manutenção da pele, unhas e cabelos. Procure seu nutricionista para saber quais nutrientes são necessários para você!


Achieve your goals with a follow-up that suits you!
Fernanda Trigueiro de A. Araujo
Fernanda Trigueiro de A. Araujo
Dietitian (Nutricionista) · 31292
Nutricionista Clínica e Funcional