Blog ofIsabel Pedroso Silva

Dietitian (Nutricionista) · 3836N

por uma alimentação mais responsável.

Contact

Burnout: 5 Dicas para Empresários e Empreendedores

Wednesday, May 11, 2022

Porque é que o Burnout é tão perigoso para Empresários e Empreendedores?

Empresários e empreendedores, geralmente, são pessoas que tiram algum prazer do simples facto de estarem ocupadas, trabalhando constantemente em algo em concreto. Mas, toda a gente precisa de desacelerar de vez em quando.

Se os empreendedores não tiram tempo suficiente das suas agendas para apostarem no auto cuidado, poderão começar a sentir algum tipo de esgotamento - algo perigoso nesta profissão, pois a maioria dos negócios não se torna bem sucedido da noite para o dia, levando tempo e esforço. 

Os empreendedores que não conseguem manter o processo a longo prazo podem acabar por desistir mais cedo do que o suposto. Se o burnout ocorrer no momento errado, há uma grande probabilidade de pôr em risco todo o projeto ou negócio. Daí a importância de aprender estratégias para manter a energia e motivação no decorrer dos dias. 

Felizmente, existem várias estratégias para manter o burnout longe, mas nunca devemos esquecer que a saúde física deve ser uma prioridade.


Por onde começar? 5 passos

Embora o burnout possa parecer uma consequência de um estilo de vida agitado, é bem mais comum na vida de empresários e empreendedores que ignoram a saúde e pequenos comportamentos diários fáceis de implementar. 

Não importa o quão ocupado estejas, é essencial cuidar da tua saúde a todos os níveis para que possas trabalhar na tua produtividade. Não serás capaz de liderar os teus projetos com sucesso, implementar ideias inovadoras e gerar receita quando o corpo está a lutar para sobreviver...


1 - A nutrição é também essencial para empreendedores e empresário que desejam manter-se motivados e evitar o burnout. É fácil ignorar tanto o que está no prato, como a forma como comemos, quando há emails por responder, reuniões com clientes e horários desregularizados. Mas se te estás a certificar de ingerir nutrientes suficientes no teu dia-a-dia, irás sentir-te melhor e serás capaz de manter os teus planos de negócios a longo prazo.


2 - O sono é uma das partes mais importantes. Infelizmente, também é a primeira tarefa básica posta em último lugar na pirâmide de prioridades. É essencial não sacrificar o sono pela agitação de novas ideias e projetos. Uma má rotina de sono irá deixar qualquer pessoa com menos energia e criatividade. Há que priorizar obter as 7-8 horas por noite.


3 - Para evitar o esgotamento, talvez fosse uma óptima ideia reservar um tempo para o exercício físico. Felizmente, o exercício pode vir das mais diversas formas. Se sentires que estás demasiado ocupado para ir ao ginásio todas as manhãs, tenta caminhar ou andar de bicicleta para o trabalho. Um trajeto a pé ou de bicicleta vai trazer-te uma enorme explosão de energia no início do dia e tempo para descomprimir no caminho para casa. Recorda do lema que uso com os meus clientes "mais vale pouco do que nada". Outra estratégia para adicionar mais movimento ao dia é evitar ficar sentado durante todo o dias... Sempre que possível, porque não trabalhar em pé, recorrendo a standing desks?


4 - Não te esqueças que o burnout é um problema de saúde mental, então é claro que precisas de cuidar da tua saúde mental se não te queres sentir esgotado. Podes auxiliar-te nesse processo a curo e longo prazo de várias maneiras, desde a meditação, à terapia, a exercícios respiratórios, bem como ao yoga. Às vezes, temos mesmo que desacelerar para conseguirmos ir mais rápido. Fazer pausas no trabalho para atender às necessidades de saúde mental vão ajudar-te a que te sintas melhor ao longo do dia (prometo...!). Durante esses intervalos, podes sentar-te calmamente e meditar ou fazer algum exercício de respiração. Também podes visitar um psicólogo ou terapeura durante esse período. 


5 - Atenção às expetativas... Empresários e empreendedores raramente terminam o dia a sentir que já fizeram tudo o que era necessário. No entanto, se aprenderem a definir expetativas para o dia, poderão ir para casa depois do trabalho sabendo que já fizeram o suficiente. É importante tornar as expetativas realistas: o esforço em demasia com expectativas irreais levará rapidamente a um burnout. Depois de ter uma ideia do projeto em questão, determina o que podes realizar num dia, numa semana ou num mês e permite-te relaxar quando essas pequenas tarefas diárias estiverem concluídas.


Recorda: estás, sim, a fazer o suficiente.

Todos nós temos coisas para fazer o tempo todo, e pode parecer uma lista interminável, mas será que te honras e parabenizas os teus objetivos ou as tuas conquistas quando as alcanças? Ou dás-te um abracinho quando não ficou feito nesse dia? Se não o fizeres, podes estar a cavar a tua campa em direção a um burnout. À medida que a Escola Ouve O Teu Corpo e os meus Acompanhamentos Individuais crescem, há sempre algo que eu poderia estar a fazer (para quê dormir, certo?), mas é preciso muita prática para dar um passo atrás e ser realista sobre nós mesmos. Na pequena equipa que está aqui por trás, todos sabemos quando trabalhar e quando pausar e aproveitar. Convido-te a fazer o mesmo... Convido-te, esta semana, a te perguntares no final do dia o quão produtivo te sentes, o que será que te faria sentir mais produtivo, e refletir sobre as tuas ações ao longo do dia para chegar a um pensamento feliz de "sim, tudo o que fiz foi mais do que suficiente"! 

Se deste o teu melhor, fizeste o suficiente e isso é bom o suficiente.

Adquirir o hábito de priorizar o que realmente precisa de ser feito e qual é a realidade das nossas agendas ajudar-te-á a equilibrar melhor o trabalho com o tempo de inatividade (ou o tempo de autocuidado!). 


Se queres saber mais sobre Nutrição específica em casos de burnout, dá uma vista de olhos a este artigo aqui.


Isabel Pedroso Silva

Nutricionista 3836N

@isabelpedrososilva

@ouveoteucorpo

Achieve your goals with a follow-up that suits you!
Isabel Pedroso Silva
Isabel Pedroso Silva
Dietitian (Nutricionista) · 3836N
por uma alimentação mais responsável.
Contact